11 de set de 2012

Porque necessitais de paciência.


Na vossa paciência, possuí a vossa alma. (Lc 21:19).

Paciência = Gr. Hupomone (suportar, tolerar, subsistir, persistir – em submissão). Paciência é uma qualidade que muitas vezes falta nas pessoas. A paciência na Bíblia é saber suportar, tolerar, persistir em submissão. Não é ficar inativo, sem reação, acomodado; mas continuar trabalhando, lutando, amando, esperando no Senhor, esperando e confiando em suas promessas.

Paciência ou longanimidade é uma das características do fruto do espírito, que é produzido através da ação do Espírito em nossa vida; segundo a liberdade que dermos à Ele para trabalhar em nós (Gl 5.22). A  semente da paciência cresce fertilmente nas tribulações e nas provações que passamos por Deus, para fazer-nos amadurecer (Tg 1.2,3). Paulo ensina que como ministros (obreiros) de Deus, ele e nós temos  que ser recomendáveis em tudo: na muita paciência.  (2 Co 6.4).

A Bíblia nos ensina que devemos ter paciência para:

1. Alcançarmos as promessas: (Hb 10.36). A vontade de Deus tem que ser cumprida, independente da promessa, do tempo, ou das circunstâncias. Após feita a vontade de Deus, então se precisa de paciência para alcançar a promessa. Ex: Saul ofereceu sacrificio e perdeu a sua benção (1Sm 13.8-13). 
2. Esperar a vinda do Senhor: (Tg 5.7,8). Como lavrador, ninguém põe uma semente na terra, e espera que no outro dia esteja colhendo o seu fruto. Existe o tempo de germinar, de crescer, de florescer e frutificar. 
3. Conviver e trabalhar com os irmãos (I Ts 5.14; Rm 15.1-5). Somos um corpo... membros uns dos outros (1Co 12.25,26). Quando um membro do corpo fica dolorido ou deixa de funcionar perfeitamente, você não vai ao médico e pede para amputar aquele membro; muito pelo contrário, você toma meios alternativos com remédio ou fisioterapia, para recuperar a funcionalidade daquele membro. Igualmente, quando isso acontece no Corpo de Cristo, temos que buscar os meios espirituais, para que aquele membro volte a ter a funcionalidade e sensibilidade como os demais no corpo. 
4. Para passar pelas tribulações (Rm 12.12). Devemos nos gloriar na tribulação, pela qual é produzida em nós a paciência (Rm 5.3-5). Uma pessoa quando faz uma entrevista num emprego, sempre lhe é questionado: Quantos anos você tem de experiência na área? Se a pessoa abandona o trabalho ou sua responsabilidade no primeiro desafio ou confrontação que enfrenta, este nunca alcançará a experiência. Thomas Edson quando fazia o seu experimento da luz elétrica, testou e queimou 3.000 filamentos antes de suceder em sua invenção. Porém, se ele houvesse abandonado o projeto após seu primeiro fracasso, certamente a humanidade não teria usufruído da benção de sua invenção. Fonte: sepoangol.

Que Deus venha prover a longanimidade como fruto de seu Espírito em nós, e que desta forma possamos esperar nEle todas as coisas, no Seu tempo e não no nosso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário passará por aprovação antes de ser postado.
Que Deus te abençoe!